Resenha: Cidades de Papel

00:00

Lembram da minha meta de ler 52 livros nesse ano de 2015? Pois então, o primeiro deles já foi lido e adivinhem só, eu resolvi que vou resenhar todos os livros aqui! Isso mesmo que você leu, seria muito egoísta da minha parte ler um livro e não compartilhar a experiencia com vocês né?!
(Foto: Kzuka)

Sinopse

"Quentin Jacobsen tem uma paixão platônica pela magnífica vizinha e colega de escola Margo Roth Spiegelman. Até que em um cinco de maio que poderia ter sido outro dia qualquer, ela invade sua vida pela janela de seu quarto, com a cara pintada e vestida de ninja, convocando-o a fazer parte de um engenhoso plano de vingança. E ele, é claro, aceita. Assim que a noite de aventuras acaba e um novo dia se inicia, Q vai para a escola e então descobre que o paradeiro da sempre enigmática Margo é agora um mistério. No entanto, ele logo encontra pistas e começa a segui-las. Impelido em direção a um caminho tortuoso, quanto mais Q se aproxima de Margo, mais se distancia da imagem da garota que ele achava que conhecia."

Resenha

Eu nunca havia lido nenhum livro do John Green (nem mesmo A culpa é das estrelas) e também não tinha nenhuma vontade de ler nenhum deles, porém no blog da Marina eu li a resenha e resolvi dar uma chance para o autor e eu me arrependi de não ter dado essa chance ante. O autor escreve de uma maneira cativante e eu simplesmente fiquei presa na história. Eu li o livro em dois dias apenas (mas isso é porque sou eu, eu fico fissurada e não consigo parar) e só precisei do segundo dia porque no primeiro eu estava caindo de sono, tive que parar a leitura.
A história é contada pelo próprio Q, e ela gira em torno da tentativa de encontrar Margo, que havia fugido, pela sexta vez, de casa. Margo havia deixado algumas pequenas pistas quase que indecifráveis, mas Q estava disposto a decifra-las e encontra-la finalmente, morta ou viva.
Pontos positivos: Cidades de papel é um livro de leitura fácil, não cansa e a história te prende. Como o livro é narrado em primeira pessoa (pelo Quentin) o leitor passa toda a história possuindo as mesmas dúvidas e preocupações de Q, sem saber nada além do que ele sabe, o que te faz não querer desgrudar do livro nem por um segundo.
Pontos negativos: O livro cativa o leitor de uma maneira incrível (como já dito), mas de tanto que cativa o leitor quer saber onde está Margo e acaba achando todo o livro muito enrolado, na parte que eles viajam para encontra-la finalmente, Green começa a enrolar contando cada pedaço da viagem, como se precisasse encher linguiça, como se nem ele mesmo aguentasse mais escrever. Além disso, o livro retrata uma mentalidade bem infantil de Q e seus amigos em relação a beijos e sexo, embora eles estejam se formando no ensino médio, isso se torna irritante, não sei se nos Estados Unidos a população jovem é infantil assim, ou se é pelo fato que ele e seus amigos são tipo os nerds da escola.
Vale a pena ler? Absolutamente, sim. Ao contrário do que parece, não é um romance e é um livro bem poético, que te faz abrir os olhos para algumas coisas a sua volta.

Trechos e reflexões

Margo é quase uma filosofa entediada com a vida "normal" que as pessoas levam, ela não quer ir para a faculdade porque acredita ser um ciclo vicioso, onde as pessoas estudam para ter um bom emprego, trabalham para ter uma casa grande, para ter filhos e manda-los para a faculdade para terem um bom emprego, trabalharem para ter uma casa grande, para ter filhos e manda-los para a faculdade para terem um bom emprego...
Foto: Imagilendo

Mas agora eu quero saber de vocês, já leram o livro? O que acharam dele? Não leram ainda? Então diz o que achou da resenha, ficou com vontade de ler? Se você ler eu quero sua opinião depois sobre o livro hein... Um beijo e até o próximo post.

Posts relacionados

9 comentários

  1. Eu já li um poupo, apesar de achar os livros dele sempre meio repetitivos, eu gostei de ler!

    Adorei sua resenha explicativa , bem feita e com ótima escrita!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. São mesmo repetitivos? Desse jeito só vou ler esse então ;-;
      Fico feliz que tenha gostado, um beijo <3

      Excluir
  2. Fico super feliz de saber de minha resenha te inspirou a ler o livro, e mais feliz ainda por ter gostado tanto quanto eu. Sua resenha ficou maravilhosa, e já estou ansiosa pra ver a próxima. Aliás, boa sorte com a meta, espero ler 52 resenhar aqui esse ano, ok?
    Beijos
    http://dizaimarina.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah claro, promessa é divida (ou não), eu também quero poder resenhar 52 livros e inspirar pessoas a ler eles <3 fico feliz que tu tenhas gostado anjo, um beijo :*

      Excluir
  3. Sou louca para ler esse livro. Ainda não tive a oportunidade. Xoxo' <3
    Não sou uma It | Fanpage

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois então leia logo porque cê não vai se arrepender rs um beijo <3

      Excluir
  4. Me sinto uma extraterrestre por não ter gostado do livro. kkkkk
    Achei que o escritor foi um pouco exagerado na linguagem 'chula' e alguns episódios. kkkk Acho que não é bem o meu estilo. Da mesma forma aquele "Quem é você, Alaska". A escrita dele é lindíssima, muito chamativa, mas às vezes vulgariza. kkk

    Bjs, obrigado pela sua visita. :D
    > Sentido Literário <

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. huaashu ah normal, eu não encontrei nada demais na linguagem, talvez eu já esteja acostumada. O que eu notei é que é bem voltado pro mundo pré-adolescente da Disney, apesar do final não ser nada disney ele é muito fantasioso...
      Um beijo flor

      Excluir
  5. Nossa, o livro deve ser legal pela sua resenha! Nunca li nada desse autor. A sinopse parece ser interessante, misteriosa (adoro mistérios) e envolvente. Estou querendo ler mais em 2015 e vou anotar todas as resenhas positivas aqui. bjssss

    ResponderExcluir

Os comentários são moderados para que eu possa responder a todos, lembrando que:
- Só comente se você ler o post, não saia comentando algo baseado pelo titulo/fotos do post.
- Você pode deixar o link do seu blog logo após o comentário que eu vou adorar conhece-lo!
- Spam não é bem vindo, seu comentário não será aprovado e não entrarei no seu blog.

Obrigado pela visita e volte sempre!

Subscribe