Resenha dupla: John Green (filme)

15:45

Quem me conhece sabe o tamanho do desprezo que eu tinha por filmes/séries/livros populares adolescentes. O primeiro livro (e único até o momento) que eu li do John Green foi Cidades de Papel, enquanto todo mundo falava de A Culpa é das Estrelas. Eu tinha um pre-conceito terrível com essa história tão bem falada, e me surpreendi. Hoje eu vou fazer a resenha dos filmes Cidades de Papel e A Culpa é das Estrelas.

Cidades de papel
(Fonte)
A história é centrada em Quentin Jacobsen (Nat Wolff) e sua enigmática vizinha e colega de escola Margo Roth Spiegelman (Cara Delevingne). Ele nutre uma paixão platônica por ela. E não pensa duas vezes quando a menina invade seu quarto propondo que ele participe de um engenhoso plano de vingança. Mas, depois da noite de aventura, Margo desaparece – não sem deixar pistas sobre o seu paradeiro.
Eu, particularmente, achei o filme bom, porém não tanto assim, por ter lido o livro (leia a resenha aqui) eu esperava um pouco mais do filme. A história me encantou desde a sinopse do livro e o filme realmente vale a pena, e eu acho sim que te ensina muitas coisas boas. (Assista online aqui)

A Culpa é das Estrelas
(Fonte)
Diagnosticada com câncer, a adolescente Hazel Grace Lancaster (Shailene Woodley) se mantém viva graças a uma droga experimental. Após passar anos lutando com a doença, ela é forçada pelos pais a participar de um grupo de apoio cristão. Lá, conhece Augustus Waters (Ansel Elgort), um rapaz que também sofre com câncer. Os dois possuem visões muito diferentes de suas doenças: Hazel preocupa-se apenas com a dor que poderá causar aos outros, já Augustus sonha em deixar a sua própria marca no mundo. Apesar das diferenças, eles se apaixonam. Juntos, atravessam os principais conflitos da adolescência e do primeiro amor, enquanto lutam para se manter otimistas e fortes um para o outro.
Eu achei o filme muito bom, além de poder ser criticado. O filme trás uma situação real de pessoas reais e são histórias que não são contadas, mas deveriam. Eu simplesmente chorei o filme inteiro, apesar de ser bom é uma história triste e você se prepara para algo que não acontece e, ao invés de acontecer o óbvio, acontece o que ninguém espera. O filme  é maravilhoso e entrou para a minha listinha de favoritos assim que eu assisti. (assista online aqui)

Vocês já assistiram esses filmes? Leram os livros? Ficaram curiosos? Espero que gostem do post e dos filmes, um beijo!!!

Posts relacionados

0 comentários

Os comentários são moderados para que eu possa responder a todos, lembrando que:
- Só comente se você ler o post, não saia comentando algo baseado pelo titulo/fotos do post.
- Você pode deixar o link do seu blog logo após o comentário que eu vou adorar conhece-lo!
- Spam não é bem vindo, seu comentário não será aprovado e não entrarei no seu blog.

Obrigado pela visita e volte sempre!

Subscribe