Carolina 2.0 (Parabéns para mim!)

10:00

Hoje é o dia tão temido por mim ao longo de dois anos. Lembro da minha adolescência onde tudo o que eu queria era fazer logo os tão sonhados 18 anos porque depois dos 18 eu seria livre. Eu só não contava que os anos passaria tão rápido. Eu não imaginava que as coisas seriam do jeito que são e nem que eu mudaria de objetivo tantas vezes.
Talvez eu já devesse imaginar. Sou libriana, nunca fui uma pessoa decidida, sempre mudei de ideia em cima da hora, mas eu realmente achava que com 20 anos eu estaria estável, que eu estaria bem. Eu achei que com 20 anos eu já estaria na faculdade e decidindo meu futuro. Achei que iria em muitas festas diferentes até achar uma que me agradasse. Achei que estaria envolvida com pessoas da mesma idade e com os mesmos objetivos. Mas nada disso se tornou real.
Não estou dizendo que a maneira que eu vivo hoje é ruim, nem que eu gostaria de viver diferente. Mas é engraçado perceber que eu mudei tanto em tão pouco tempo. Eu sempre vi os 20 anos como a idade crucial. Esse seria o momento de iniciar a minha vida, definir minha carreira e batalhar pelos meus sonhos. Mas eu ainda nem sei o que eu quero cursar na faculdade.
Eu ainda sou cheia de sonhos e tenho poucas certezas. Talvez a única certeza que eu tenho é que eu estou ficando cada vez mais velha. Decidi a poucos dias que a faculdade não é importante. Como eu vou escolher o que eu quero para vida toda como tão pouco tempo de vida? Decidi que eu não sou obrigada a nada e que a única coisa que eu devi me preocupar é com a minha felicidade.
Ter 20 anos não significa nada. Eu não preciso estar cursando uma faculdade e eu não preciso estar bem financeiramente. Eu não preciso ter metas muito ambiciosas, nem preciso estar casada. Eu só preciso estar feliz e no final é somente isso que eu vou precisar durante toda a minha vida.
Uma foto publicada por Carol Justo (@caroljusto_) em
Me acompanhe nas redes sociais:
Twitter | Facebook | Instagram | We heart It | Snap: pink_yuri

Posts relacionados

12 comentários

  1. eu também sempre pensei assim, mas na verdade tudo continua o mesmo, as coisas vão mudando na vida aos pouquinho, dai a gente nem percebe, a idade é apenas um número. Parabéns Carol, que você consiga muitas coisas boas e lindas, muita paz saúde e amor! <3

    Blog Entre Ver e Viver

    ResponderExcluir
  2. oi, oi!

    já te desejei parabéns lá no twitter e vi aqui vem o que tu tinha a dizer sobre os teus 2.0. eu nem lembro bem qual a sensação que tive aos 20. acho que comemorei meu niver sozinho, em casa. todo mundo longe e eu com as minha deprê.

    como vc mesmo disse, a idade não muda nada na nossa vida. na verdade, muda o nosso pensamento, pq paramos de criar tantas expectativas.

    boa sorte aí e curta o teu dia! ;)

    bjs!
    Não me venha com desculpas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu comemorei trabalhando hahah ai que triste

      Muito obrigado pelo carinho ❤❤

      Excluir
  3. Eu falo que somos parecidas, faço aniversario dia 6, mas faço 21. Gente, eu também pensava isso, na verdade eu pensava que com 18 eu já estaria toda trabalhada na independência. com casa e tudo. aushaus Mas meu amor, nem emprego a pessoa consegue, ta foda. aushaus Depois dos 18 que percebemos que a vida é tão curta, que o mais queremos é ser feliz, né? Enfim, parabéns novamente e que todos seus sonhos se realizem. Que Deus (ou qualquer coisa que você acredite) te ilumine sempre. Seja feliz, moça! ♥

    Prazer, Jéssica

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ahhh cê também é libriana? Menina, precisamos nos conhecer melhor!
      Com 18 anos eu achei que iria em festinha mas eu fui mais em entrevista de emprego que festa shuhdsusdh

      Muito obrigado pelo carinho minha linda ❤

      Excluir
  4. Meus parabéns, muito sucesso nessa nova caminhada! Librianos dominando o mundo hahahha (também sou de libra) <3

    devaneiosdeinverno.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Devo confessar que tenho um certo medo dessa idade. Quando eu tinha 17 anos, não via a hora de completar 18 anos logo, porque a iludida aqui pensava que iria ter liberdade pra fazer tudo o que desse na telha. Aí quando completei os tão esperados 18 anos, vi que as coisas não eram bem assim. Foi quando percebi que idade não servem pra nada, só pra nos lembrar que estamos ficando velhos mesmo, rsrs. Seu texto até me deu um conforto, porque eu já estava meio entrando em desespero por causa disso, e olha que meu aniversário é só ano que vem agora, rs. São muitas coisas pra pensar e decidir com tão pouco tempo de vida vivida. Enfim. Parabéns (atrasado) Cah! ♥
    Beijos ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Menina, vou confessar que eu ainda to com medo, estou até um pouco melancólica, ainda to comemorando meu aniversário, até dia 12 hahah, depois que cair a ficha eu vou chorar husau muito obrigado pelo carinho ❤

      Excluir
  6. Quando eu tinha 16 meu sonho era ter 21 (a idade que tenho hoje) e eu achava que só seria feliz se tivesse passado na universidade e tivesse bem financeiramente. Conquistei a universidade, não sou bem sucedida financeiramente como eu queria, mas estou dentro dos conformes! E o que eu sei é: universidade não é tudo, não mesmo, aliás, que besteira! Eu passei a adolescência toda achando que teria que cursar Biologia e pronto final, consegui me livrar da "pressão" da difícil escolha... Apesar de gostar de estudar Biologia, vejo que não quero ser professora. E sei que nada foi em vão, todo tempo é tempo de aprendizagem, e aliás, temos todo o tempo do mundo.
    Ser feliz é o que importa!
    Parabéns pela nova idade <3
    Beijos

    Juhlihipy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado linda <3333
      ainda to na indecisão do que cursar, é foda

      Excluir

Os comentários são moderados para que eu possa responder a todos, lembrando que:
- Só comente se você ler o post, não saia comentando algo baseado pelo titulo/fotos do post.
- Você pode deixar o link do seu blog logo após o comentário que eu vou adorar conhece-lo!
- Spam não é bem vindo, seu comentário não será aprovado e não entrarei no seu blog.

Obrigado pela visita e volte sempre!

Subscribe