Estilo de vida minimalista | Desapego

11:00

(Fonte: Sou minimalista)
A pouco tempo atrás se falava muito em estilo minimalista, mas eu percebo hoje que na verdade o que foi feito foi uma grande confusão entre estilo minimalista e a decoração escandinava e os looks neutros. O minimalismo não preto, branco e cinza, o minimalismo é um estilo de vida que vai além de aparência, é um estilo que visa o consumo consciente e o bem estar. Minimalismo não tem uma fórmula secreta, não existe uma lista de coisas que você pode ou não ter, pode ou não comprar.
Em um mundo capitalista, onde é muito fácil comprar, de parcelar as coisas a perder de vista a gente acaba comprando mais do que o necessário e isso acaba facilitando o desenvolvimento de transtornos como o acumulador e o consumista compulsivo. Eu amo assistir os programas que passam no A&E sobre acumuladores compulsivos, gosto de ver e relembrar que coisas materiais são apenas coisas materiais. Eu tenho muito apego em coisa material, seja em caderno, bilhetinho até móveis e eletrodomésticos, mas aprendi com minha mãe que o desapego é algo necessário que sempre nos trás paz. Pensando nisso resolvi listar algumas dicas pra você desapegar de alguns itens sem se arrepender depois.

Não usa há um ano, desapega!

Pare de achar que um dia aquela calça vai voltar a servir em você, que um dia você vai precisar daquele óculos, que talvez daqui alguns anos você adote outro cachorro e por isso precisa de tudo isso que você tem. Você não precisa de tudo isso! Vamos ser honestos, a chance de você precisar de algo que está parado há um ano é quase nula, você não irá usar de novo, por isso, desapega! Venda se precisar de dinheiro, doe pra quem precisa, leve em alguma instituição de caridade, com certeza aquele objeto pode ser muito bom e bem utilizado por outra pessoa.

Se você nem lembrava que tinha, você não precisa

O que eu vejo sempre, na maioria desses programas é que às vezes as pessoas, durante o processo de organização, encontram objetos que nem lembravam que existiam mas que não querem desapegar porque ele parece útil, mas vai por mim, se você não lembrava que tinha aquele objeto, ele não fará falta.

Pode desapegar de presente sim

É comum que tenhamos em nossa casa presentes que não gostamos, que não servem mais, que usamos pouco e não tem problema nenhum se desfazer desses presentes, e caso alguém se desfaça de um presente que você deu, não fique magoado. É muito melhor passar aquele item adiante do que deixar no armário pegando pó.

Mantenha pequenas quantidades

Eu não vou dizer que você precisa ter um número x de toalha de banho, um x de blusas, um x de calçados, ou coisas assim pois cada pessoa tem sua vida e suas necessidades diferentes, mas cabe a você decidir a quantidade necessária de cada item que você precisa ter. Mas lembrem-se, são quantidades necessárias!

Avalia seu estilo de vida

Pra complementar o que eu falei anteriormente, comece a pensar no seu estilo de vida. Qual seu trabalho, quais ambientes você frequenta, se você costuma receber visitas, se você cozinha ou pede delivery, se você fica muito em casa ou não, se trabalha em escritório ou em industria, se caminha muito ou não e monte a sua listinha do que você precisa ter. E confia em mim, não vai se basear em listinha pronta na internet, você tem que avaliar a sua vida e ter certeza se aquilo é ou não necessário.

Espero que vocês tenham gostado, um super beijo.

Me acompanhe nas redes sociais:

Posts relacionados

16 comentários

  1. eu tenho isso com presentes, tenho um sapato que meu namorado me deu, não uso mais mas acho que ele vai ficar bravo se eu desapegar, sei lá, mas acho que é melhor desapegar mesmo, eu estou tentando fazer uma limpa no meu armário, mas sou muito apagada as coisas, e tenho aquele negocio de achar que um dia vou precisar de tal peça, mas um dia eu chego lá haha


    Blog Entre Ver e Viver

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Menina, desapega do sapato sim. Se ele ficar bravo explica que você não usa mais e que ele pode fazer bem a outra pessoa, não é porque foi presente que você tem que usar a vida inteira. Espero que consiga desapegando das coisas que não usa ou não precisa <3

      Excluir
  2. Eu tô no comecinho do processo para mudar meu estilo de vida para um mais minimalista, reparei que estava acumulando coisas e mais coisas que não usava, não precisava, que eu nem gostava, mas não conseguia desapegar, tá fazendo um bem para alma!

    De passagem...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É muito bom né? To tentando convencer meu namorado, mas está dificil...

      Excluir
  3. Muito bom seu post! Confesso que eu tenho dificuldade em me desapegar de algumas coisas, mas sei que isso é super necessário. Até porque, chega uma hora que não cabe mais nada no armário rsrs.
    Tem roupa que eu nem lembrava que tinha, mas aí vejo e resolvo usar, fico com dor no coração de desapegar, preciso trabalhar isso em mim haha.
    Beijos,
    #fiquerosa

    Fique Rosa | Meu Canal YT

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu sei como é, sou assim também às vezes... Mas eu to tentando ao máximo evitar isso

      Excluir
  4. Se eu gostei? Eu amei esse post! Também sou bastante apegada com coisas materiais, e de uns tempos pra cá tenho tentado desapegar, sabe? Então com certeza as tuas dicas vão me ajudar muito sim <3
    Um beijão,
    Gabs | likegabs.blogspot.com ❥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Espero que ajude mesmo. Desapegar renova a alma <3

      Excluir
  5. Realmente até pouco atrás o estilo "minimalista" tava super em alta sem ninguém entender que ser minimalista é muito mais que usar tons neutros no guarda-roupa ou na decoração.
    E seus dicas são super válidas! Minha vó falava que guardar coisa velha não atrai coisas novas.

    Beijão,
    Quase Mineira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gostei dessa frase da sua avó, bem isso mesmo.

      Excluir
  6. muito bom seu post :) uma coisa que as pessoas fazem muito é confundir a filosofia minimalista com o estilo minimalista, que são duas coisas bem diferentes. você pode seguir só o estilo se quiser, só a filosofia, os dois, ou nenhum. o melhor é só não misturar as coisas. tô nessas de ler mais sobre o assunto nos últimos tempos, até indiquei um canal no yt que tô amando acompanhar, se chama BREMEDÊ. é um canal br com vídeos bem diretos e fáceis de assistir sobre o tema, recomendo :)

    www.coffeeandflowersblog.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. muito obrigado pela indicação do canal, vou pesquisar para assistir os vídeos <3

      Excluir
  7. Não usa há um ano, desapega!
    adorei essa ideia, e por mais que eu esteja bem longe de entrar nesse estilo, porque infelizmente sou muito apegada as coisas (mas to melhorando), tenho tentado fazer alguns desapegos e diminuir meu consumismo

    Follow Cíntia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu sou apegada DEMAIS, mas mesmo assim eu me esforço ao máximo para não ser. Coisas materiais não podem definir quem nós somos e acredito fielmente que temos que abrir espaço para que outras coisas possam vir.

      Excluir
  8. Oii!
    Gosto bastante do estilo minimalismo, pois ela me traz um conforto, a primeira coisa que fui desapegar em 2016 foram os livros (foi dificil), me desapeguei uns 50 anos, foi um alivio porque a estante estava ficando cheia de livros que ganhei e não me agradou, final de 2016 eu voltei a morar em casa e fiz um desapego do meu guarda-roupa, foi um alívio enorme de doar roupas que nem usava mais, o que tenho de aprender ainda é não gastar muito kkk ótima lista viu, alias, na netflix tem um documentário chamado "Minimalism: A Documentary about the important things" é bem interessante ;)
    Beijos! www.mandyline.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pela indicação do documentário, vou pesquisar ele.
      Eu não sei se me desapegaria de livros, acho que é a única coleção que me dou ao luxo de querer ter, pretendo fazer uma biblioteca na minha casa um dia.

      Excluir

Os comentários são moderados para que eu possa responder a todos, lembrando que:
- Só comente se você ler o post, não saia comentando algo baseado pelo titulo/fotos do post.
- Você pode deixar o link do seu blog logo após o comentário que eu vou adorar conhece-lo!
- Spam não é bem vindo, seu comentário não será aprovado e não entrarei no seu blog.

Obrigado pela visita e volte sempre!

Subscribe