5 coisas que eu já deixei de fazer por ser mulher

11:00

Estamos literalmente vivendo uma época que, mesmo com todos os direitos que adquirimos, nós ainda temos que lutar por questões básicas. Lendo o post da Ana sobre o abuso que aconteceu com a mulher dentro do ônibus (leia aqui) onde ela foi surpreendida por um desconhecido que ejaculou em seu rosto eu lembrei de tantas coisas que eu evitei de fazer por medo de situações semelhantes. Lembrei também do caso da jovem que sofreu um assédio em SP e teve que ouvir que foi "por causa do vestido", da menina que foi estuprada por mais de 30 homens e foi acusada de ter pedido, de que a culpa foi dela por estar lá, de que ela quis e depois se arrependeu. E tantos outros casos que acontecem e nós nem ficamos sabendo.

Ainda há muito o que se discutir sobre direitos das mulheres nesse mundo, mas nunca levante a bandeira de que nós já conquistamos nossos direitos porque isso não é verdade. Só quem é mulher sabe que ainda não conquistamos muitos dos direitos básicos, dentre eles a igualdade, independente do sexo, o direito de decidir sobre nosso corpo, o direto de ir e vir, de tomar nossas decisões sozinhas e muito mais.
Hoje eu vou listar apenas cinco das milhares de coisas que eu evito por ser mulher, e depois vamos discutir se homens e mulheres realmente são iguais.

Sair sozinha

Pegar um ônibus sozinha depois das 23 horas? Ir para a festa desacompanhada? Fazer uma corrida pelo quarteirão às 6h da manhã ou depois das 18h da tarde? Nada disso nos pertence. Andar a noite na rua é sentir o coração bater forte e ir rezando o tempo inteiro para que nada de mal de aconteça e agradecer do fundo do coração depois de ter chego em casa. Apesar de saber que a culpa jamais será minha, eu me privo dessas coisas para que eu não precise conviver com isso porque sei que apesar de tudo, eu não sou livre.

Ficar no ônibus vazio

Talvez para o homem seja o alivio poder pegar um ônibus vazio, ou com poucos passageiros, pra mim é quase um filme de terror. Eu perdi as contas de quantas vezes eu desci do ônibus umas duas ou três paradas (pontos) antes do meu por sentir medo. Se eu tinha que descer no terminal e ficava apenas eu, o motorista e o cobrador no ônibus eu sentia panico, fingia que estava ligando para alguém, ou mandando mensagem pra fulaninho me esperar.

Descer ou esperar o ônibus no ponto de ônibus correto

Complementando o anterior, é muito comum eu andar mais pra pegar o ônibus porque em outro lugar é mais seguro, mais movimentado, ou então descer antes ou depois pra poder fugir de algumas situações. Certa vez eu desci quatro paradas antes da minha casa, porque apesar de um ônibus lotado, três moleques começaram a me assediar com cantadas e risadinhas, OS TRÊS e ninguém fez nada, minha amiga tentou me acalmar mas eu desci antes por medo. Também já desci uma parada depois porque um homem que entrou depois de mim no ônibus, sentou no banco de trás e começou a falar besteiras, por medo eu dei o sinal pra descer em cima da hora e ele deu um salto, deixei ele descer primeiro e fiquei no ônibus. Quando percorria o caminho de volta ele estava subindo, porque desceu na parada errada, ele veio em minha direção, mas eu avistei um casal na frente, corri pro lado deles e liguei pra minha mãe, passei o caminho inteiro, a noite, com o celular na mão, eu não tinha medo de assalto, tinha medo do estupro.

Fazer amizades com homens

Algo que é muito presente por aí é a questão do homem se apresentar como amigo sendo que na verdade ele é só mais um que quer te "pegar". Evitar amizade com homens  héteros é algo constante, deixar de responder mensagens no facebook e até não corresponder ao oi de um desconhecido, não é antipatia, é experiencia. Evitamos fazer boas amizades porque no meio delas terá o babaca que só quer te usar e isso é triste.

Largar o copo no balcão do bar

Vamos supor que você esteja se divertindo na balada e nessa balada tem um bar organizado onde tem o/a atendente e alguns bancos, ou nem a balada, mas uma cafeteria, um barzinho, qualquer coisa que você esteja sozinha e queira ir no banheiro. Mesmo com a supervisão do atendente, deixar o copo, ou tomar de novo naquele mesmo copo não é uma opção pois existem inúmeros casos de vítimas drogadas em balada. Se pra você é comum beber no copo do seu amigo, ou aceitar bebida de gente que conhecer na fila da balada, saiba que isso não é comum para a mulher e ela se priva, muitas vezes de se divertir por medo do que vão fazer com ela.

Essas são só cinco das coisas que eu deixo e já deixei de fazer por ser mulher, se eu fosse listar tudo ia ser um post imenso. E se eu for postar tudo o que eu faço por ser mulher a lista será maior ainda. Espero que, se você, homem, leia esse texto, entenda que não estamos querendo nada além do que os nossos direitos, aqueles que vocês já tem. Mas nós não queremos os nossos direitos no papel, queremos eles em ação, na prática do dia a dia. Queremos chegar na delegacia da mulher e ser atendida, ser instruída e não ser mandada embora e resolver isso em casa. Queremos denunciar o homem que ejaculou na nossa roupa em um ônibus e vê-lo sendo punido pelo que fez, e não vê-lo sendo solto e praticando o ato novamente, fazendo outra mulher ter esse trauma. Nós não queremos nada mais do que os homens já tem.

Me acompanhe nas redes sociais:

Posts relacionados

17 comentários

  1. Já perdi a conta de quantas vezes mudei de lado na rua para evitar grupo de pessoas, bares... É muito triste isso.

    https://littlemorgana.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim </3 e há quem diga que tudo é mimimi

      Excluir
  2. Realmente a nossa situação é bem complicada. Nos privamos de coisas ou pensamos mil vezes antes de fazê-las só para evitarmos passar por situações ridículas como essas que você citou. Infelizmente, nossa sociedade ainda precisa evoluir, e muito!

    (Carol, quer participar do projeto fotográfico? Eu adoraria ter você por lá! Me chama no facebook facebook.com/VitóriaBruscato )
    Cheiro de Pipoca

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Né... Espero que um dia as coisas melhorem para nós.

      (mandei solicitação de amizade no facebook <3)

      Excluir
  3. Já deixei de sair sozinha diveeeersas vezes por ser mulher também! Esperar ônibus em ponto sozinha, nem pensar. Uma pena que a gente tenha que viver assim. Isso de largar o copo eu não faço nunca. Hoje em dia não costumo ir pra balada, mas quando eu era mais nova e pedia por exemplo, alguma bebida de garrafinha, eu segurava a bebida enfiando o dedo na boca da garrafa, acredita? Meu medo de alguém colocar algo era tanto, que eu ficava prevenindo até quando a garrafa estava comigo! Bizarro o que nós temos que passar.
    Adorei o post! Beijo!

    Fe
    www.feejao.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim cara, isso é muito triste, o pior de tudo é que isso ta tão presente no nosso dia a dia que as vezes a gente nem se da conta que está fazendo isso </3

      Excluir
  4. Olha eu nem sei como começar a comentar esse episódio que o cara ejaculou na mina de tão revoltante que é. Como você, eu já deixei de fazer várias coisas por ser mulher. A principal foi desistir da grande paixão da minha vida, que é trabalhar a campo com medicina veterinária. É impossível ser levada a sério, por mais competente que você seja. Os caras acham que você não dá conta e pior, ainda ficam fazendo piadinhas e fazem de tudo para atrapalhar. To cansada de viver num mundo onde meu sexo determina o que eu posso ou não fazer!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso é sério? Que ridículo!!! Mas sério, não desista do teu sonho por causa do machismo, pode ser difícil, mas vai atrás! Isso é muito pesado, vc não pode deixar de exercer a profissão que ama por conta deles, fiquei muito triste por você.

      Excluir
  5. O problema não é nem ficar no ônibus vazio, é entrar no ônibus e só ter homem e ele estar meio vazio, sabe? Me sinto ameaçada, pode parecer besteira. Fazer amizades é bem difícil mesmo, porque todos acham que você tá querendo o corpo deles nu, mas não, só quero amizade mesmo, migo. Nunca largo copo e pego depois, sempre que esqueço o copo, deixo lá mesmo. Post muito interessante, Carol! Vi você comentando no Twitter.
    Beijos!

    www.likeparadise.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, quando só tem homem no ônibus é desesperador! Ai você não sabe nem o que faz, se fica perto do cobrador, na frente com o motorista... Eu sempre fico muito tensa quando isso acontece, principalmente se ta noite.

      Homem se acha mesmo! O pior é que nem fazer amizade com mulher é fácil pq a gente ainda tem uma cultura muito forte de competição e não união.

      Excluir
  6. Que post maravilhoso, Carol! Essas são só algumas das coisas que nós, mulheres, deixamos de fazer por ser quem nós somos. Cada dia que passa tem mais e mais notícias de estupros, relacionamentos abusivos... E é muito triste ver comentários de pessoas do lado do agressor. Eu juro que eu não sei o que se passa na cabeça dessa gente.
    Sair sozinha é um medo, principalmente de noite, é desesperador. Sempre tive um medinho de fazer amizades com homens, tanto que dá pra contar nos dedos quantos amigos homens eu tenho.
    Nós queremos equidade, queremos andar nas ruas sem nos preocupar com as piadinhas, queremos respeito! ):

    Beijos, quebrarosilencio.blogspot.com ❥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Exatamente, e o que me irrita é gente falando que tudo é mimimi nosso, que as coisas estão ótimas do jeito que estão, o pior é quando este comentário vem de homem... Ah como eu me irrito

      Excluir
  7. Não sair de casa sozinha e desviar de ruas vazias e andar em locais mais movimentados são os hábitos mais constantes que faço, é triste ver essa realidade! ❤

    www.kailagarcia.com

    ResponderExcluir
  8. Ótimo post!
    Eu acho que isso tudo é irritante mesmo. Mas o que mais me incomoda é não voltar para casa a pé. Eu até cheguei a ir por alguns meses, e a caminhada é muito boa, mas como moro em um bairro que possui muitos lotes vagos, fico com medo de ir sozinha.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É péssimo isso... Parece que a gente é prisioneira da sociedade :/

      Excluir
  9. Tão triste isso, não poder fazer determinadas coisas por ser mulher =/

    Se quiser participar e/ou divulgar, separei um presentinho ara uma leitora lá no blog: https://oblogdafenixx.blogspot.com.br/2017/08/sorteando-blog-esta-de-volta.html

    ResponderExcluir

Os comentários são moderados para que eu possa responder a todos, lembrando que:
- Só comente se você ler o post, não saia comentando algo baseado pelo titulo/fotos do post.
- Você pode deixar o link do seu blog logo após o comentário que eu vou adorar conhece-lo!
- Spam não é bem vindo, seu comentário não será aprovado e não entrarei no seu blog.

Obrigado pela visita e volte sempre!

Subscribe